GeoHydroTech apresenta trabalhos no Silusba, em Portugal

por Hugo Rocha em 15/Sep/2017
GeoHydroTech apresenta trabalhos no Silusba, em Portugal

Aconteceu nesta semana na cidade do Porto, em Portugal, o 13º Silusba - Simpósio de Hidráulica e Recursos Hídricos dos Países de Língua Portuguesa. O evento, organizado pela Associação Portuguesa dos Recursos Hídricos (APRH), a Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH), a Associação Cabo-Verdiana de Recursos Hídricos (ACRH) e a Associação Aquashare Moçambique, ocorreu entre os dias 13 e 15 de setembro.

O Simpósio foi realizado na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), sob o tema geral “Gestão Sustentável da Água”. Os temas específicos que foram tratados são os seguintes:

  • Gestão de Recursos Hídricos em Bacias Nacionais e Transfronteiriças
  • Água e Serviços dos Ecossistemas
  • Água, Território e Adaptação à Variabilidade Climática
  • Governança e Participação Pública para a Gestão da Água
  • Educação para uma Nova Cultura do Uso da Água
  • Sistemas Hídricos Sustentáveis
  • Inovação para uma Economia Verde
  • As TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação) na Gestão de Recursos Hídricos
  • Gestão de Riscos de Eventos Extremos
  • Água, Energia e Segurança de Barragens
  • Compatibilização dos Múltiplos Usos da Água
  • Água, Agricultura e Irrigação
  • Gestão Costeira de Recursos Hídricos e Turismo
  • Investigação em Hidráulica e Recursos Hídricos

Dentro do tema “Água, Energia e Segurança de Barragens”, a GeoHydroTech, através do Eng. Hugo Rocha, apresentou 2 trabalhos:

  • “AcquaTailings: Uma Ferramenta para Facilitar Estudos de Balanço Hídrico”: Trata-se de um software desenvolvido internamente na GeoHydroTech para auxiliar nas simulações de balanço hídrico, enchimento de reservatórios e planejamento de etapas de alteamento de barragens de rejeitos, utilizando uma metodologia probabilística de análise de eventos hidrológicos.
  • “Análise Probabilística dos Parâmetros de um Estudo de Rompimento Hipotético de uma Barragem de Terra”: Trata-se de um trabalho baseado na dissertação de Mestrado da Enga Danielle Hoffert, que avaliou a influência dos parâmetros formação de brecha e coeficiente de rugosidade (Manning) da superfície das planícies de inundação nos resultados finais das simulações de uma ruptura hipotética de barragens (Dam Break).

 

Os artigos completos foram publicados nos anais do evento e já se encontram disponíveis.

Hugo Rocha

Engenheiro Civil pela UFOP, Mestre em Hidráulica e Saneamento pela USP. Experiência na elaboração de projetos de novas barragens para armazenamento de água e rejeitos de mineração, estudos hidrológicos e hidráulicos, auditoria de segurança em barragens existentes, Planos de Segurança de Barragens (PSB), Planos de Ações de Emergência (PAE) e estudos de ruptura hipotética de barragens (Dam Break).

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Contato

©GeoHydroTech Engenharia

by nerit